29/11/2018

Diabetes: conhecer sua doença é a melhor forma de se ter uma vida longa e saudável

Com a iniciativa 'Doenças Crônicas', a SulAmérica propõe aos segurados portadores de diabetes uma melhor condição de saúde por meio de educação e acompanhamento clínico

Aumentar a fonte Diminuir a fonte Baixar PDFBaixar PDF Compartilhar Compartilhar

 No mês de combate ao diabetes, a SulAmérica, maior seguradora independente do País, apresenta dicas de prevenção à doença. O diabetes é uma condição clínica em que o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina, hormônio que controla a entrada de glicose nas células, ou quando, apesar da produção normal, esta substância não age adequadamente, ocasionando o acúmulo de glicose no sangue e, consequentemente, hiperglicemia. Em longo prazo, o quadro pode danificar órgãos, vasos sanguíneos e nervos.

 

 

 Um dos mais recorrentes problemas de saúde pública do mundo, o diabetes pode ser prevenido ou controlado por meio da adoção de um estilo de vida saudável, que inclua a prática regular de atividades físicas, alimentação equilibrada, controle do peso e abandono de hábitos nocivos, como tabagismo e consumo excessivo de bebidas alcoólicas. Além disso, é muito importante que o paciente esteja em dia com os exames de rotina e utilize diariamente os medicamentos, quando receitados pelo médico.

 

 

 De acordo com a International Diabetes Federation (IDF), um em cada 11 adultos no planeta é diabético, o que totaliza 425 milhões de indivíduos. No Brasil, a doença afeta cerca de 13 milhões de pessoas, o que corresponde a 8,9% da população, segundo dados do Ministério da Saúde e Sociedade Brasileira de Diabetes. Além disso, calcula-se que mais de 88 mil crianças e adolescentes brasileiros tenham diabetes tipo 1.

 

 

 As principais complicações para o organismo são alterações cardiovasculares, doença renal crônica, amputação dos membros inferiores e cegueira, causada por problemas na retina. "Quando não diagnosticado ou tratado incorretamente, o diabetes pode evoluir para quadros graves e irreversíveis, como a amputação de membros. Com uma gestão adequada da saúde, é possível evitar essas complicações e principalmente levar uma vida normal e saudável", explica a diretora Técnica Médica e Relacionamento com Prestadores da SulAmérica, Tereza Veloso.

 

 

 Muitas vezes silenciosos, os sintomas passam despercebidos e muitos casos da doença só são diagnosticados quando surgem complicações. Por esse motivo, o diagnóstico precoce e o controle adequado da doença são medidas fundamentais para a manutenção da saúde e qualidade de vida.

 

 

 Os sintomas mais comuns do diabetes são a sede e urina excessivas, perda de peso repentina, cansaço constante, vista embaçada ou turvação visual e infecções de pele. O diagnóstico se dá pela investigação clínica, por isso, além de perceber os sintomas, é importante que o indivíduo procure o médico que o acompanha para a realização de exames laboratoriais que confirmarão ou não a doença, e para receber orientação de como tratar e manter a saúde em dia.

 

 

 A SulAmérica disponibiliza aos segurados portadores de diabetes a iniciativa 'Doenças Crônicas', que se propõe a melhorar a saúde da população afetada pela doença por meio de educação e acompanhamento clínico. A educação é muito importante para o paciente entender sua própria condição, gerenciá-la e se engajar no tratamento.

 

 

 Já o acompanhamento clínico auxilia na estabilização da doença e na manutenção de hábitos saudáveis por meio da mudança de comportamentos, que é imprescindível nesse caso. Já que a alimentação saudável é um dos fatores que mais impacta no controle do diabetes, é preciso adotar um planejamento diário de dieta equilibrada.

 

 

 A prática de atividades físicas é um dos pilares do tratamento do diabetes também, pois contribui para o controle dos níveis glicêmicos e de outras condições, como excesso de peso, hipertensão arterial, colesterol alto e risco cardiovascular. Porém, no caso de diabetes tipo 1, deve-se evitar exercícios no pico de ação da insulina, bem como evitar aplicá-la na região mais exigida durante o treino, pois há maior absorção da substância. Com o acompanhamento de uma equipe de saúde multidisciplinar, o portador do diabetes pode conquistar uma vida longeva e saudável.

 

 

Busca

Busca Avançada

Destaques

  • SulAmérica vence prêmio Empresas Mais
  • SulAmérica é eleita uma das empresas que melhor se comunicam com jornalistas
  • Lucro da SulAmérica cresce 68% no segundo trimestre e chega a R$ 135,4 milhões
  • Dores crônicas nas costas afetam a concentração e a produtividade no trabalho

Galeria de Imagens

Ver todas as imagens
2013 Copyright © SulAmérica - Todos os Direitos Reservados Privacidade | Termos e Condições