Sulámerica - Sala de Imprensa

12/11/2019 - 12:52:00

SulAmérica debate inovações no mercado de saúde no Saúde Expo Summit

Erika Fuga, diretora de Sinistro Saúde da companhia, participou de painel sobre tecnologia e gestão no último dia do evento, em João Pessoa

A SulAmérica participou no último sábado (9) da 1ª edição do Saúde Expo Summit, em João Pessoa (PB), evento que discutiu inovações e tendências do setor de saúde no Brasil. Representando a companhia, Erika Fuga, diretora de Sinistro Saúde, foi uma das convidadas do painel “Saúde 4.0 – Uma transformação de tecnologia e gestão” e abordou temas como gestão conectada, telemedicina e o cuidado coordenado.

“Temos buscado trabalhar com um modelo sustentável e eficiente, inserindo cada vez mais o indivíduo, e não a doença, no centro do cuidado, com uma jornada coordenada e efetiva dentro do sistema. Temos investido em gestão integrada de saúde, com foco em promover o bem-estar, a qualidade de vida e a melhoria da experiência dos beneficiários”, disse.

Erika também falou sobre os benefícios trazidos pelo avanço tecnológico para o cuidado do paciente e o futuro da medicina. “A telemedicina tem potencial tanto no sentido de ampliar o acesso ao sistema de saúde, especialmente em regiões remotas do País, quanto para fortalecer o relacionamento entre médicos e pacientes, oferecendo ferramentas complementares ao atendimento presencial tradicional para um melhor acompanhamento médico”, comentou Erika.

A SulAmérica oferece desde o primeiro trimestre deste ano, por meio do aplicativo SulAmérica Saúde, o serviço “Médico na Tela”. Nele, os segurados responsáveis por crianças de até 12 anos podem solicitar uma videochamada com médico pediatra para receber orientações e tirar dúvidas, proporcionando ainda mais tranquilidade e comodidade às famílias com crianças.

“A medicina do futuro será tecnologicamente avançada, tecnicamente bem gerida por meio de conexões fortes entre os agentes que provêm assistência à saúde e amplamente acessível aos pacientes. Será mais eficiente e, ao mesmo tempo, mais humana, uma vez que a inovação está à serviço do indivíduo e não visa sua substituição. Deverá ser personalizada, intervir em tempo hábil e preciso, reduzir situações críticas e ter o paciente no centro da atenção”, finalizou a diretora.

 

Erika Fuga, diretora de Sinistro Saúde da SulAmérica, durante participação no Saúde Expo Summit. Foto: Alessandro Potter

MAIS EM TECNOLOGIA